MONTANHA CARDADA CIMETTA – A fascinante vista dos dois pontos extremos da Suíça

VOCÊ SABIA?

Que os dois pontos extremos da Suíça em altitude são: o mais alto – Pico Dufour – Monte Rosa = 4.634 metros e o mais baixo – Lago Maggiore = 195 metros

E uma notícia ainda melhor, é que visitando a montanha Cardada Cimetta, você consegue ver esses dois pontos perfeitamente. A vista é incrivelmente maravilhosa.

Não é à toa que a montanha Cardada Cimetta recebe o título de ” A pérola do lago Maggiore”.

E ae? o que está esperando para incluí-la em seu roteiro?

NOSSA EXPERIÊNCIA

Subi a montanha Cardada Cimetta com mais 3 blogueiras e 1 fotógrafa. Todas são brasileiras e moram na Suíça.

Esse foi o #ExperienceCardada, onde juntas mostramos, especialmente para o público brasileiro, todas as atrações, possibilidades e dicas para aproveitar esse lugar.

Foi um dia inteiro de passeio, pois só assim se consegue aproveitar bem a montanha Cardada Cimetta.

ONDE FICA ESSE PARAÍSO CARDADA CIMETTA?

Na Suíça italiana. Ticino (em italiano) ou Tessin (em alemão).

Vocês já devem saber que eu amo essa região. Não foi por acaso que a conheci quase toda em nosso Bike tour de 3 semanas na Suíça e norte da Itália.

Entretanto, nunca tinha escutado sobre a montanha Cardada Cimetta, que por coincidência (ou não), fica no meio dos Vales que exploramos: Verzasca e Maggia.

Bom, isso era passado. Já conheci a montanha Cardada Cimetta e posso dizer que já estou apaixonada? ah…a Suíça italiana tem esse poder..cuidado.

COMO CHEGAR ?

O acesso se dá pela cidade de Locarno.

A parte bem interessante desse caminho até o topo (Cimetta), é que para subir, utilizamos 3 diferentes transportes num único dia.

São eles: Funicular, Bondinho e Cadeirinha.

PASSO-A-PASSO PARA CHEGAR ATÉ CARDADA CIMETTA

Funicular Madonna del Sasso

Funicular Madonna del Sasso

Chegando em Locarno, há sinalização para o funicular por toda parte.

Partindo da estação de trem de Locarno, são 10 minutos caminhando até o Funicular. A subida do funicular leva 15 minutos e a parada se chama Orselina.

Daqui, a vista já é muito linda e o monastério Madonna del Sasso (destino de peregrinação da Suíça italiana) é o rei da paisagem juntamente com o maravilhoso lago Maggiore.

MAdonna Del Sasso

Bondinho Cardada

Ao lado da estação do funicular, em Orselina, tem a estação do bondinho Cardada.

bondinho

 

bondinho

No bondinho cabe muita gente, nos leva à 1.340 metros e assim que “desembarcamos”, tivemos essa vista espetacular.

bondinho

A plataforma de observação de Cardada

Tem que ir até essa plataforma pois a vista é surreal. Daqui você verá o ponto mais baixo e o mais alto da Suíça, a cidade de Locarno, a Ilha Brissago, o lago Maggiore(impossante) e os Alpes do Valais.

plataforma observatório

Eu não queria sair mais dali, deu muita paz essa vista.

O que tem mais em Cardada?

O espaço é enorme e tem atrações para todos os estilos. Para quem quer curtir o local, estilo “relax”, pode deixar as crianças brincando no parquinho, enquanto bebe/come algo no restaurante, apreciando a vista maravilhosa.

Para os aventureiros de plantão, há muitassssss trilhas para trekking e mountainbike.

CADEIRINHA CIMETTA

Você verá as cadeirinhas e logo saberá que é lá a estação delas para subir até Cimetta.

Essas cadeirinhas tem capacidade para 2 pessoas e tem uma particularidade: Elas sobem “DE LADINHO” . Achei super estranho no começo, mas depois me soltei 🙂

cadeirinha

Com elas, subimos à 1.670 metros e chegamos à Cimetta.

Panorama 360°

Daqui, a vista é mais ampliada ainda e podemos ver toda a bacia do lago Maggiore e os alpes. Sensacional esse lugar.

montanha cardada cimetta
subida para o panorama

Dica: Tire muitas fotos, pois elas saem lindassssss.

montanha cardada cimetta
Sessão de fotos ativada

Como chegar em Locarno de transporte público?

É muito fácil. Se você ainda não conhece o aplicativo do sistema de transporte da Suíça, aconselho baixar. Ele facilitará muito sua vida no país.

É só digitar de onde para onde, que ele te dá todas as informações de horários e plataforma. Aqui funciona messmooo 🙂

Supondo que você saia de Zurique:

Há um trem com destino à Lugano (também parte italiana). É esse que você deve pegar e descer em Bellinzonna para fazer a troca do trem.

Em bellinzona, pega o trem que vai para Locarno.

Valor total do passeio

Contando que você saia de Zurique e tenha o Swisstravelpass, o transporte de trem (ida e volta = Zurique – Locarno) sai gratuito.

Já os tickets desses transportes: funicular, bondinho e cadeirinha, não são incluídos no Swisstravelpass.

Esses valores terão que ser pagos nos guichês de cada estação. O valor total para os três fica: Adultos: 44 francos (ida e volta) – Crianças: 22 (ida e volta).

Dicas

  • Vá com bons calçados, mesmo que você não faça trilha, pois há pedras e grama por toda parte.

montanha cardada cimetta

  • Leva uma blusa de frio (mesmo no verão), o vento é forte e pode ficar frio lá em cima.
  • Câmera fotográfica com bateria extra. Você vai tirar muitas fotos e fazer muitos vídeos. Vai por mim haha
  • DI-VIR-TA-SE muito. Colecione momentos especiais na montanha Cardada Cimetta. Vale a pena.
Fiz esse vídeo do dia para guardar essas imagens com muito carinho e colocar na minha coleção de momentos maravilhosos na Suíça: a montanha Cardada Cimetta:

Participaram do #ExperienceCardada

Realização: Ana Luiza de Souza (Pelo Mundo Blog)
As Blogueiras –  Monique Bianchi (Me Joguei no Mundo),  Renata Autran (As Viagens da Re),  e  Ester Santos (Esterzinha na Suíça Adventures)

A cobertura fotográfica foi feita por Laurentina – Fotógrafa na Suíça

Veja o que rolou no evento também, através da Hashtag #ExperienceCardada no Instagram e Facebook.

Apoio: Ticino Turismo e Cardada Cimetta

Artigos relacionados com a cultura da Suíça:

Aniversário da Suíça

Sobre a Suíça

Bike tour na Suíça:

Bike tour de 5 dias e 3 países da europa

3 semanas pedalando na Suíça e norte da Itália – artigo

3 semanas pedalando na Suíça e norte da Itália – A saga em vídeos

1 final de semana pedalando até Lauterbrunnen – parte 1

1 final de semana pedalando até Lauterbrunnen – parte 2

2 respostas para “MONTANHA CARDADA CIMETTA – A fascinante vista dos dois pontos extremos da Suíça”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *